PROJETO: O USO DO SUBSOLO PARA O ARMAZENAMENTO DE ENERGIA NO ESTADO DA BAHIA: PERCEPÇÃO PÚBLICA DAS TECNOLOGIAS, ANÁLISE DO MARCO REGULATÓRIO BRASILEIRO VIGENTE E IDENTIFICAÇÃO DE LACUNAS

A importância de se dominar as tecnologias que utilizam o subsolo como ambiente para armazenar resíduos, em especial CO2, e energia, com o foco em gás natural, hidrogênio e ar comprimido, é crítica em função do suporte que essas tecnologias podem fornecer ao setor energético. Esse projeto se voltou para verificar a viabilidade das tecnologias de armazenamento de energia/resíduos em reservatório geológicos no estado da Bahia, do ponto de vista regulatório, tecnológico e de percepção pública, utilizando algumas ferramentas de coleta de dados.

RELATÓRIO DE SUPORTE AOS “POLICY MAKERS” PARA SUBSIDIAR POLÍTICAS PÚBLICAS DE INCENTIVO AO ARMAZENAMENTO DE ENERGIA/RESÍDUOS COM O USO DO SUBSOLO NO BRASIL

Relatório para os Policy Makers contém os resultados de um projeto coordenado por George Câmara, financiado pelo CNPq e realizado junto ao Programa de Engenharia Industrial (PEI) e o Grupo de Pesquisa GpS- Governança para Sustentabilidade e Gestão de Baixo Carbono da Escola de Administração, ambos da UFBA.

O “Relatório para os Policy Makers” apresenta os resultados da pesquisa voltado para os atores chaves no processo de tomada de decisão para impulsionar as tecnologias estudadas. Ele apresenta o resultado das pesquisas que passaram pela etapa de a caracterização das tecnologias de armazenamento de energia/resíduos com o uso do subsolo e em seguida o levantamento do status no mundo das mesmas. Posterior a isso foram identificados os principais projetos dessas tecnologias no mundo e respectivamente os países que abrigam esses projetos e analisados os marcos regulatórios deles. Posterior a isso foi estruturada e aplicada uma pesquisa de percepção pública sobre as tecnologias. Os resultados e recomendações estão disponíveis nesse relatório.

Para ler o relatório completo, clique aqui!

©2020. Câmara Consultoria em Projetos LTDA. Todos o direitos reservados.